No dia 13 de maio os integrantes do Comitê de Governança para o Empreendedorismo de Teutônia participaram de reunião virtual por meio de videoconferência para avaliar ações dos eixos temáticos e também os impactos econômicos da pandemia do Covid-19 (Coronavírus). O presidente do Comitê e da CIC Teutônia, Airton Roque Kist, coordenou o encontro como entidade representativa da sociedade teutoniense, encaminhando as apresentações dos eixos temáticos, do prefeito e do Sebrae.

Reunião do Comitê de Governança foi realizada por videoconferência (Foto: Lucas Leandro Brune)

Desenvolvimento e Infraestrutura

O coordenador do Eixo do Desenvolvimento e Infraestrutura, Lucas Leandro Brune, apresentou sugestões levadas à empresa Pró-Cidades, que elabora o Plano de Mobilidade Urbana e o Plano Diretor. Também destacou ações apoiadas na cidade, como rótulas fechadas, saneamento básico, arborização, barracão industrial, entre outros. O último encontro foi realizado em fevereiro, visto que a reunião de março foi cancelada por conta da pandemia.

Desburocratização e Simplificação

O coordenador do Eixo de Desburocratização e Simplificação, Gustavo Luiz Schnoremberger, apresentou a construção do projeto de Liberdade Econômica, que ainda carece de decreto para implementar alguns pontos, o qual não foi concretizado por conta da pandemia, que exigiu atenção jurídica à redação de outros decretos.

Educação Empreendedora

A coordenadora do Eixo de Educação Empreendedora, Andrea Wallauer, trouxe síntese das sete reuniões realizadas desde o ano passado, com a análise do cenário educacional de Teutônia e os desafios futuros. O grupo também reuniu-se com o professor Lucildo Ahlert para abordar questões sobre educação empreendedora. A próxima etapa seria aplicação de pesquisa junto às empresas, cujo levantamento ficou paralisado em virtude da pandemia.

Executivo Municipal

O prefeito de Teutônia, Jonatan Brönstrup, também participou da reunião online e apresentou preparações do município no atendimento aos pacientes da Covid-19, além de mencionar reunião com o Governo do Estado para tratar das medidas de prevenção.

Diferentes integrantes do Comitê também questionaram o chefe do Executivo sobre as ações adotadas na pandemia, como a possibilidade de dividir o Vale do Taquari em duas partes, a oportunidade e a viabilidade de implantar UTI no Hospital Ouro Branco e outros aspectos. Também trouxeram preocupações quanto às questões econômicas, com a retração da indústria e do comércio, os impactos na educação e a infraestrutura energética disponível.

Brönstrup falou de projetos como o Plano Diretor, Plano de Mobilidade Urbana, rótulas fechadas dos Bairros Canabarro e Languiru, pavimentações comunitárias com blocos intertravados, arcos da Rua Pastor Hasenack, revitalização da Rua Capitão Schneider e sistema de videomonitoramento em funcionamento. “Assim como nos negócios, alguns projetos ficam parados ou suspensos, mas Teutônia tem bons motivos para nos motivar a continuarmos trabalhando”, salientou.

Sebrae

A gerente regional do Sebrae nos Vales do Taquari e Rio Pardo, Liane Klein, apresentou linha de atuações do Sebrae para os empreendedores de qualquer porte, citando as rodadas de negócios online para troca de estoque, vendas e até mesmo parcerias. Abordou ainda o Programa Emergencial de Recuperação Empresarial, com pacote de serviços e consultorias a valores acessíveis (de R$ 12 a R$ 18 por hora), com pagamentos a partir de agosto.

TEXTO – Lucas Leandro Brune e Leandro Augusto Hamester