Motivação e amor àquilo que se faz! Assim podemos resumir a palestra ministrada pela culinarista Cátia Schnorr, idealizadora da Cozinha da Cátia, para empreendedores dos ramos gastronômico e turístico de Teutônia. A atividade, que teve como objetivo fomentar o turismo em Teutônia, foi organizada pela Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Turismo, em parceria com a CIC Teutônia, tendo como local o auditório da entidade empresarial. “Teutônia é uma cidade com muitos empreendedores na área da gastronomia, aliás, uma gastronomia diversificada e de boa qualidade, mas é preciso melhorar e inovar sempre. Isso nos torna aptos a sermos um dos polos gastronômicos e, assim, enriquecer o nosso turismo”, enalteceu o prefeito Jonatan Brönstrup.

Palestra reuniu empreendedores de Teutônia interessados nos ramos gastronômico e turístico (Fotos: Édson Luís Schaeffer/divulgação)

Paixão pela culinária

Em uma conversa descontraída, Cátia falou de sua história de vida e que, desde a infância, o bolo de laranja da mãe de uma amiga despertou nela a paixão pela culinária. Hoje ela ministra 14 cursos, além de prestar consultoria, ministrar palestras e utilizar as redes sociais para mostrar o seu trabalho.

Usando como base a receita do bolo de laranja que remete à infância, ela passou ao público os ingredientes que são a sua base: “Duas xícaras de experiências de vida; quatro ovos, que representam a minha família; duas xícaras de criação; uma xícara de sabor, o que é amar o que a gente faz; e o tempero, que é a Cozinha da Cátia.”

A culinarista Cátia Schnorr falou de motivação e de sua paixão pela cozinha

Reinventar

Ao falar da importância do acolher bem às pessoas nos estabelecimentos, o cuidado com os detalhes na limpeza, higiene e arrumação, bem como a importância da boa cozinha e de elaborar pratos que surpreendam o cliente diário ou o turista, Cátia deixou claro que o segredo é se reinventar a todo momento. “A riqueza do sucesso está nos pequenos detalhes. Precisamos entender que os nossos maiores concorrentes somos nós mesmos e, por isso, precisamos nos perguntar o que estamos fazendo de novo hoje para sermos melhores amanhã. Precisamos nos reinventar todos os dias, precisamos ‘pensar fora da caixa’”, afirmou.

A palestrante ainda colocou que, muitas vezes, aprendeu com os erros. “O nosso melhor acerto é aquele onde se subiu um degrau errado. Todos os dias precisamos tomar um chá, de conhecimento, de habilidades e de atitude. Também precisamos entender que todas as pessoas têm o seu valor. O segredo está nas pessoas com quem convivo”, ressaltou.

Ao relacionar gastronomia e turismo, a palestrante enfatizou que os turistas gostam de ter experiências e memórias gastronômicas. “O turista vem para cidade para conhecer lugares, mas ele pode levar memórias afetivas e memórias gastronômicas. A gente viaja quilômetros para sentir o gosto que traz saudade de alguma coisa, algo que te relembra o passado, a família. Por isso, podemos acolher as pessoas, também, pela culinária”, colocou.

Na linha do “pensar fora da caixa”, Cátia ainda desafiou os empreendedores presentes a pensarem programações diferenciadas, sugerindo aproveitar datas comemorativas. O próximo encontro para debater o turismo ocorrerá no dia 29 de julho, às 19h, junto à CIC. Neste dia, o Sebrae estará capacitando os empreendedores interessados sobre como utilizar as redes sociais para alavancar o seu negócio.

TEXTO – Édson Luís Schaeffer